Como realizar tomadas de decisões baseadas em dados?

Não é uma tarefa simples, melhorar a experiência do cliente e entregar-lhe soluções para seus desafios. No entanto, existem ferramentas tecnológicas capazes de facilitar esse processo. E uma maneira eficiente de empregar essas soluções é usá-las para tomar decisões baseadas em dados.

Mas como são feitas as decisões baseadas em dados e como a tecnologia auxilia nesse processo? Usar as informações para traçar estratégias aumenta os níveis de precisão das escolhas das empresas, trazendo resultados mais satisfatórios para um negócio. Além disso, analisar dados com o suporte tecnológico simplifica os processos empresariais, tornando-os mais ágeis e minimizando os erros.

A seguir, vamos entender melhor como funcionam as decisões baseadas em dados usando inovações tecnológicas e os diferenciais que elas podem trazer para o seu negócio.

Acompanhe!

Tome decisões baseadas em informações confiáveis e consistentes

Frequentemente as empresas precisam decidir sobre estratégias que serão adotadas, avaliar os processos e corrigir os rumos. São escolhas que não podem ser feitas no escuro ou na base do achismo, é necessário tomar decisões que vão trazer resultados satisfatórios para o negócio. Sendo assim, é um processo importante e que merece ser bem executado, pois dele poderão sair soluções que vão impactar positivamente seu empreendimento.

Diferentemente de outros tempos, agora, essas decisões contam com uma grande aliada que é a tecnologia., Existem sistemas de informação que podem auxiliar nas tomadas de decisão empresariais e otimizar a performance das instituições.

E uma das grandes vantagens é a obtenção não só de informações confiáveis como também consistentes. Soluções como softwares de análise de dados são capazes não só de criar grande volume de informações atuais, mas também seguras e completas.

Também chamada de data-driven decision making, a ferramenta tem a capacidade de coletar dados do ambiente organizacional e os transformá-los, por exemplo, em informações por meio de relatórios, gráficos, tabelas e indicadores. É uma fonte de dados preciosa, permitindo aos gestores tomar decisões mais assertivas.

Simplifique os processos tomando decisões baseadas em dados

Existem situações em que os gestores até conseguem compilar os dados sobre seu negócio ou mercado no qual estão inseridos, mas não sabem como usá-los de forma estratégica na tomada de decisões.

Nesse sentido, as ferramentas tecnológicas são fundamentais, pois simplificam o processo de decisões. Elas permitem, por exemplo,, conhecer seu cliente e transformar contextos complexos tomando decisões descomplicadas.

Ao adotar as soluções de BMRS (Sistema de Gerenciamento de Regras de Negócios), o gestor ganha confiança para decidir se deve ou não adotar determinada estratégia, concede ou não crédito, aplica ou não desconto, lança ou não determinado produto. São escolhas importantes, mas que podem ser feitas sem dor de cabeça, pois a tecnologia é capaz de prever cenários e apontar os melhores caminhos.

Ganhe em rapidez usando a tomada de decisões baseadas em dados

O mercado exige rapidez e respostas ágeis para as demandas dos clientes, por isso as soluções tecnológicas vêm bem a calhar quando é necessário tomar uma decisão com presteza.

As respostas, quando apontadas pelas ferramentas tecnológicas, chegam com rapidez às mãos dos gestores, com dados compilados e um diagnóstico do ambiente e dos processos. Essa agilidade é possível pelo, avanço da Tecnologia da Informação nas últimas décadas, superando barreiras espaciais e temporais. Antes desse progresso, o acesso aos dados era muito mais difícil e o tratamento das informações mais limitado e moroso.

Acerte mais optando pela tomada de decisões baseadas em dados

Fazer escolhas a partir de dados tem se tornado uma prioridade para muitas empresas. De acordo com o, estudo Media Navigator, produzido pela Kantar IBOPE Media, marcas e anunciantes, por exemplo, não abrem mão dessa ferramenta. A pesquisa aponta que a análise de dados para esse setor é tão importante que 78% das empresas planejam fortalecer suas plataformas para compreender e segmentar os consumidores. E, para atingir esse objetivo, 80% dos anunciantes querem ampliar o alcance dos dados dentro de suas empresas.

Outro dado curioso do estudo mostra que quatro em cada cinco empresas já usam seus próprios dados em conjunto com pesquisas externas. Com essa fonte de informação, revela a pesquisa, os anunciantes compreendem os motivos por trás das decisões de compra de seus clientes, bem como suas preferências e atitudes. Ao mesmo tempo, os dados permitem que os profissionais de marketing reconheçam as principais tendências, otimizem seus planos de ação e tomem decisões de mídia mais inteligentes.

De acordo com Denys Fehr, CEO e partner da Just a Little Data,, os dados podem ser o diferencial no momento em que um produto novo começa a ser testado. Anteriormente há muitas hipóteses sobre o nicho de mercado, a persona a ser trabalhada, as necessidades do consumidor. No entanto, segundo o CEO, somente com acesso aos dados de aceitação daquele produto durante os pré-testes, a empresa saberá se está no caminho certo.

Assim como no setor publicitário, os dados permitem aos gestores de outros segmentos antecipar o futuro e reduzir riscos e incertezas nas tomadas de decisão. Mas, no caso de um erro de estratégia, as informações ainda podem ajudar. Por meio delas, é possível rever a rota e repensar em outra ação que possa ser mais satisfatória.

Conclusão

Como se vê, há uma série de motivos para se adotar a tomada de decisões baseada em dados. E, aliando essa ação a ferramentas tecnológicas, os gestores farão escolhas muito mais acertadas para seu negócio.

Gostou do assunto? Acompanhe mais sobre esse e outros temas no, nosso blog e nossas redes sociais.